(Futebol baiano) – Com “lei do ex” em dose dupla, Vitória bate o CRB no Barradão pela Copa do Nordeste

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Léo Ceará e Alisson Farias, que defenderam o Galo em 2019, marcaram os gols da equipe baiana. Xandão descontou para o CRB

  • O jogo

    A famosa “lei do ex” apareceu em dose dupla na noite desta quinta-feira. Atletas do CRB na última temporada, Alisson Farias e Léo Ceará balançaram as redes no Barradão e foram decisivos para o Vitória a bater o Galo pelo placar de 2 a 1, em partida válida pela 5ª rodada da Copa do Nordeste. Xandão, de falta, descontou para o Alvirrubro. O resultado manteve a equipe baiana invicta na temporada.

  • O primeiro tempo

    A partida demorou a engrenar no Barradão. Vitória e CRB exageraram no número de faltas, o que picotava o ritmo de jogo. O Rubro-Negro aproveitou as jogadas de bola parada para levar perigo com Thiago Carleto, que, quase do meio-campo, acertou um forte chute e fez Edson Mardden defender no susto. Aos 26 minutos, a “lei do ex” entrou em ação pela primeira vez. Léo Ceará foi lançado por Carleto, dominou dentro da área e chutou no canto para abrir o placar. Foi o primeiro gol do atacante na temporada. Com a desvantagem, o time alagoano partiu para o ataque e pressionou o Rubro-Negro. Na pequena área, João Victor salvou chute de Luidy. Já nos minutos finais, Léo Gamalho acertou a trave.

  • Posição na tabela

    O Vitória, que estava fora da zona de classificação, chegou aos nove pontos e alcançou a vice-liderança do grupo B. O CRB, que tem cinco pontos, ocupa a 5ª posição do grupo A.

  • Próxima rodada

    O CRB volta a jogar pela Copa do Nordeste na quarta-feira, às 19h30 (de Brasília), quando recebe o Náutico no estádio Rei Pelé, me Maceió. O Vitória terá mais tempo até o próximo compromisso pelo regional. A partida contra o ABC, no Frasqueirão, foi marcada para o dia 8 de março.

  • Polêmicas

    No primeiro tempo, Jonathan Bocão chutou forte e a bola tocou no braço de Claudinei. Os jogadores do Vitória pediram pênalti, mas o árbitro mandou seguir. Na segunda etapa, foi a vez de os atletas do CRB se queixarem da arbitragem. Léo Gamalho recebeu a carga dentro da área e ficou caído em campo, mas o pênalti não foi marcado.

  • O segundo tempo

    Xandão provou na segunda etapa que Carleto não era o único em campo capaz de efetuar boas cobranças de falta. Na bola parada, logo aos 3 minutos, o zagueiro do Galo acertou uma bomba e contou com a colaboração de Ronaldo para empatar a partida. A igualdade no placar, contudo, não durou muito tempo. Alisson Farias, mais um que defendeu o CRB em 2019, aproveitou espaço nas costas da defesa alvirrubra e chutou forte, no canto, para deixar o Vitória à frente. Novamente em desvantagem, o CRB se lançou ao ataque, mas não foi organizado o suficiente para pressionar a defesa adversária. Com espaço, o Vitória contra-atacou e acertou a trave nos acréscimos, em chute de Gerson Magrão.

    Fim de série invicta

    A derrota para o Vitória pôs fim a uma sequência invicta de oito jogos do CRB. No período, o time alagoano venceu quatro partidas e perdeu outras quatro. O revés desta quarta-feira foi o terceiro do Galo em 2020. Antes do tropeço em Salvador, a equipe dirigida por Marcelo Cabo havia sido derrotada por Imperatriz e Murici.

    Por Globoesporte/Ba

Lapa FM 104,9

 

Youtube

Nosso Parceiros

 
uniftc

Anuncie

Seja nosso parceiro, anuncie aqui!
Promoção
educa-mais-brasil

Sigam